Maia investe em aproximação com Planalto visando aprovação da reforma da Previdência

presidente da Câmara, Rodrigo Maia, vem trabalhando uma aproximação com o Palácio do Planalto para afastar de vez qualquer tipo de ruído com o presidente Jair Bolsonaro.

Após decidirem que vão se comunicar sempre de forma direta, sem intermediários, Maia foi pessoalmente se encontrar com o presidente da República e com o ministro Paulo Guedesnesta segunda-feira (29).

Após Bolsonaro ter dito, no fim de semana, que eles estavam em um processo de namoro, Maia respondeu em tom de brincadeira: “calma, namoro muito rápido nunca termina bem. Namoro que leva mais tempo acaba terminando em casamento sólido”.

No centro das discussões entre eles, a reforma da Previdência. O presidente da comissão especial que analisa a proposta na Câmara, deputado Marcelo Ramos (PR) e o relator, deputado Samuel Moreira (PSDB)B, também participaram dos encontros.

O ministro Paulo Guedes elogiou o esforço de Maia e Bolsonaro para se aproximarem: “eles estão construindo um clima bastante favorável para atacarmos o principal problema fiscal, que é o desequilíbrio orçamentário que ameaça o sistema previdenciário”.

Nesta terça-feira (30), deve ser definido o cronograma da comissão especial da reforma da Previdência. O presidente do colegiado deve anunciar previsões de datas e prazos para encerrar a discussão e votar a proposta para que ela vá ao plenário da Câmara. Os trabalhos devem durar cerca de dois meses.

*Informações do repórter Levy Guimarães