Novas fotos de cocaína apreendida com militar brasileiro são divulgadas pela Espanha

A Guarda Civil da Espanha liberou, nesta sexta-feira (5), novas fotos da mala com 39 quilos de cocaína que foi apreendida com um militar brasileiro em Sevilha. O segundo sargento da Aeronáutica, Manoel Silva Rodrigues, viajava em um avião da Força Aérea Brasileira (FAB)em comitiva de apoio ao presidente Jair Bolsonaro (PSL).

As novas imagens mostram, além de mais detalhes da mala onde estava a droga, o processo de abertura do produto pela polícia espanhola. A cocaína estava embalada em fitas transparantes ou amarelas, e dividida em 37 pacotes, com pouco mais de um quilo cada.

 

Uma foto da apreensão já havia sido publicada, na quarta-feira (3), pelo jornal El País. A publicação também afirmou que, segundo a Guarda Civil do país, a quantidade de droga apreendida foi avaliada em cerca de R$ 5,6 milhões.

                       Governo vai enviar militares à Espanha

O governo brasileiro anunciou que vai enviar um grupo de militares para ouvir o sargento preso. Na data, Bolsonaro lembrou que o comandante da aeronáutica, Antônio Bermudez, já instaurou um inquérito policial militar para apurar o caso e agora o objetivo é conseguir detalhes da ação do militar.

Segundo o presidente e a policia da Espanha, há a suspeita de que Rodrigues ser uma “simples mula de uma organização de traficantes”. “Nós temos uma suspeita de que não é a primeira vez que ele mexeu com drogas, tendo em vista a quantidade, e as investigações, o que eu tive acesso, está indo a contento e à velocidade que o fato merece”, afirmou Bolsonaro.

Fonte JP